quinta-feira, 23 de setembro de 2010

AGENDA EM FOCO


Quinta para leitores e sexta para cinéfilos em São Luís

Vale conferir hoje, a partir das 18h30 no Palácio Cristo Rei, o lançamento dos livros da coleção teses&dissertações da Universidade Federal do Maranhão. Na ocasião serão lançadas as publicações do Centro de Ciências Sociais Estados, Mídia e Oligarquia, do Prof. Carlos Agostinho Almeida de Macedo Couto; O dissídio das vozes, do Prof. Francisco Gonçalves da Conceição; Crianças Diagnósticas com TDA/H, da Profa. Marilete Geralda da Silva; Memórias de Leitura de Pessoas Idosas, da Profa. Maria do Socorro Souza de Araújo e A reforma do ensino e a formação de estudantes, da Profa. Maria José Pires Barros Cardozo. O Palácio Cristo Rei fica localizado na Praça Gonçalves Dias, em São Luís.


Já para quem curte uma boa sessão de cinema no fim de tarde da sexta, a dica é, mais uma vez, aproveitar o Cine Filosófico promovido pelo Instituto Federal do Maranhão amanhã, a partir das 18h30. O filme desta sexta (24) é o Farenheit 451, adaptação cinematográfica da obra-prima literária de Ray Bradbury sobre um futuro sem livros. O longa tem direção de François Truffaut e conta a história de Montag (Oskar Werner), bombeiro designado a queimar livros proibidos que se vê diante de um grande conflito pessoal e intelectual quando conhece uma revolucionária professora que se atreve a lê-los. Logo após a exibição do filme, haverá um debate sobre aspectos filosóficos do enredo conduzido pelo professor Jorge Leão.



O Cine Filosófico acontece na sala de mestrado do IFMA-Campus Monte Castelo e a entrada é gratuita.

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

FILOSOFIA EM FOCO

Arte e vida se entrelaçam em mais uma sessão do Cine Filosófico

O projeto Cine Filosófico, realizado no Instituto Federal do Maranhão pelo professor Jorge Leão, exibe nesta sexta (17) a partir das 18h30 no Campus Monte Castelo o filme "O Mestre da Vida".

O longa norte-americano de 2006 conta a história do jovem John Talia Jr e seu desejo em tornar-se um grande artista. Quando conhece o velho mestre Nicoli Seroff, passa a insistir para que o pintor lhe dê aulas. No entanto, Seroff é alguém que já cansado, desistiu da vida e da arte. Mas os dois tem a oportunidade de conviverem para compartilhar ensinamentos. Assim, John aprende a enxergar o mundo através da visão do mestre e Seroff volta a perceber a vida com a inocência da juventude.

"O Mestre da Vida" tem duração de 107min, direção e roteiro de George Gallo e traz no elenco Armin Mueller-Stahl,Trevor Morgan, Ray Liotta, Charles Durning, Samantha Mathis, Diana Scarwid, Ron Perlman e Julie Lott.

Como de costume, em seguida a projeção do filme o professor Jorge Leão conduzirá uma conversa sobre o enredo do filme e sua relação com aspectos da filosofia. Vale a pena participar. O campus Monte Castelo do IFMA fica localizado na Av. Getúlio Vargas, ao lado do Senai. A entrada é gratuita.
Dica: O projeto Cine Filosófico mantém um blog com as resenhas e comentários dos filmes exibidos todas as sextas no IFMA, assinados pelo professor Jorge Leão. Vale conferir e participar das discussões.

domingo, 12 de setembro de 2010

CARREIRA EM FOCO


Curso técnico em Eventos do IFMA promove Jornada Profissional em São Luís

Acontece na próxima sexta-feira (17), a partir das 8h, no Campus Centro Histórico do Instituto Federal do Maranhão, a Jornada Profissional. Com o tema "Escolhas Profissionais para o Mundo Moderno", a Jornada é uma promoção do curso técnico em Eventos do IFMA.




Marca visual desenvolvida por Jocy Menezes e Heide Cabral, alunos Design do IFMA



Ensaios em Foco conversou com Jefferson Santos, da organização do evento, para saber mais sobre a Jornada, desde a produção organizada pelos alunos como atividade do curso de Eventos até as expectativas da organização com um evento que reunirá profissionais experientes na discussão sobre carreira, escolhas profissionais e mercado de trabalho.


1) O Curso Técnico em Eventos do IFMA-Centro Histórico vem promovendo mostras, cursos, arraiais e agora a Jornada Profissional. Como é a feita a escolha do tema e da organização?

Jefferson Santos: O fato principal é analisarmos qual a necessidade do mercado, porque precisamos ter alguém para prestigiar e se o evento será bom para pessoa A,B,C e assim sucessivamente. Ressalto que não é possível realizar um evento sem público, sem demanda, então uma pesquisa antes de decidir o que o público quer é extremamente importante. O curso técnico em eventos vem com uma grande importância, porque não é um curso comum no IFMA e o mercado de eventos no Maranhão está crescendo cada vez mais, daí que a necessidade em ter um técnico em eventos é fundamental. Lembro que quando iniciamos o curso, muitas pessoas criticaram e falaram “o que um técnico em eventos pode fazer? será se é apenas uma festa de aniversário?”, hoje conseguimos responder que não é fácil fazer um excelente evento e para que tudo dê certo precisamos de uma boa equipe, planejamento e organização e o técnico em eventos consegue agrupar todas essas ideias para que tudo saia bem. Outro ponto importante é que nossa turma é composta por 33 alunos, muitos não vão seguir na área de eventos e mesmo assim todos estão durante esses 2 anos e meio ajudando para que sempre possamos realizar algo que fique marcado na história do IFMA.

2) É natural que a juventude seja uma fase de escolhas e descobertas. A escolha por uma profissão faz parte desse contexto. Como a Jornada Profissional pretende ajudar os estudantes que estão em dúvida quanto a escolha do curso e da carreira que devem seguir?
J.S.: A Jornada Profissional nasceu da ideia de auxiliar os alunos concluintes do Ensino Médio em relação a qual carreira seguir em meio ao turbilhão social da pressão do vestibular que muitos enfrentam e a expectativa de ingressar no Ensino Superior. A partir da jornada, eles terão um maior aprofundamento das principais áreas atuantes no Brasil, e os mais relevantes pós e contras da futura profissão. Toda aproximação proposta pelos idealizadores será feita através de palestras com profissionais capacitados e atuantes nos ramos a serem trabalhados. Teremos mesas de apresentação da grade curricular das Universidades mais influentes do estado do Maranhão e explanação de cases de sucesso juntamente com realização de testes vocacionais para o público presente. De acordo com pesquisas uma boa parte dos profissionais de hoje são insatisfeitos com sua profissão por não terem tido tempo de fazer uma boa escolha. Temos pouco tempo para realizar o evento, mas em cada minuto teremos ótimas informações que ajudarão a escolher uma excelente profissão sem causar transtorno futuramente. Analisamos primeiro a nossa turma e chegamos à conclusão que muitos não sabem qual carreira seguir, então deduzimos que essa dúvida pode ser de muitos jovens.

3) Os palestrantes são profissionais reconhecidos no mercado de São Luís. Entre eles estão a fitoterapeuta Terezinha Rego e o jornalista Luiz Felipe Falcão. Quais foram as profissões escolhidas para esta Jornada?

J.S.: A escolha dos convidados para participar do evento é algo extremamente importante e ficamos felizes porque todos que convidamos elogiaram muito a idéia em se realizar um evento desse porte e ficaram a nossa disposição para ajudar em algo. Como você falou, temos profissionais reconhecidos no mercado, então a importância do evento aumenta ainda mais. Teremos a Dra. Terezinha Rêgo representando o curso de farmácia. Ela é uma das mulheres mais importantes do Brasil e tem reconhecimento internacional. Teremos também a Dra. Valéria Lauande que é a vice-presidente da OAB-MA, o Dr.Jorge Meireles que é o coordenador do curso de Medicina da UFMA, a Prof.ª Selma Cavaignac, coordenadora do curso de Ciências Sociais aplicadas do UNICEUMA e representará o curso de Publicidade e Propaganda, a Prof.ª Yáskara Castro, coordenadora do curso de Pedagogia da FAMA e a Prof.ª Dra. May Guimarães Ferreira que é uma pesquisadora e psicóloga de grande nome na sociedade maranhense e também professora do IFMA. Receberemos ainda, a Profª Fabíola de Oliveira Aguiar, arquiteta e Superintendente de Relações Institucionais e Controle da Secretaria de Estado do Turismo/SETUR-MA, além, é claro, do jornalista Luiz Felipe Falcão que apresentará a importância de um jornalista para os futuros profissionais do mundo moderno.

4) Como será a dinâmica de realização da jornada? Mesas-redondas, exposições de universidades...

J.S.: Dividimos os Cursos por Ciências e resolvemos colocar os horários alternados e não paralelamente como é feito nos eventos classificados como jornada. Com essa ideia a organização acredita que os alunos terão um aparato melhor para escolher sua profissão. No dia do evento teremos organizado seis universidades do estado e todas vão apresentar fatos importantes sobre sua história e cursos. Estamos preparando uma exposição falando de todos os cursos existentes. Para aqueles que mesmo com os debates ainda não sabem qual carreira seguir, terão a oportunidade em saber mais sobre outros cursos. Teremos uma equipe para realizar testes vocacionais e ainda estamos vendo a possibilidade em ter um minicurso para ensinar como fazer um bom currículo.

5) O que os estudantes podem esperar, então, da Jornada Profissional?

J.S.: Garantimos que o evento será ótimo, até porque os melhores profissionais do estado vão participar e a programação para ele é ainda melhor. O auditório do Campus comporta até 100 pessoas, ou seja, as vagas são limitadas para participar do evento. Esperamos um público de 300 pessoas durante toda programação do evento passando pelos debates que serão quatro e as exposições. Teremos sorteios pela manhã aos interessados em participar do II Simpósio Luso Brasileiro de Direito do Consumidor no Rio Poty Hotel e ainda estamos vendo a possibilidade de realizarmos visitas em algumas empresas para que os jovens possam conhecer na prática, as profissões. Nosso objetivo principal é mostrar aos estudantes diversas áreas do conhecimento, despertando assim seus interesses pelas profissões de uma maneira que possa acarretar na sua escolha profissional.

As inscrições na Jornada Profissional são gratuitas. A ficha de inscrição está disponível no http://www.4shared.com/document/yKnjH35Y/_2__Ficha_de_Inscrio.html?err=no-sess. Em seguida é só enviar para o e-mail uned.eventos@hotmail.com ou ligar para (98) 8197 3135.

quarta-feira, 8 de setembro de 2010

SÃO LUÍS EM FOCO


São Luís, 8 de setembro de 2010. 398 anos

Ilha do Amor. Cidade dos Azulejos. Atenas Brasileira. Capital Brasileira da Cultura.Não faltam epítetos para enumerar os potenciais da capital maranhense neste 8 de setembro, quando São Luís completa 398 anos de fundação.

Eleita Patrimônio Cultural da Humanidade pela Unesco em 1997 graças a seu rico conjunto arquitetônico, São Luís é uma ilha cheia de histórias e lendas. Berço de intelectuais, entre músicos, poetas e escritores. Além de famosa por ser capital de um estado cuja vida política permanece há anos sob domínio do mesmo grupo familiar.

Poetizada por Gonçalves Dias na famosa Canção do Exílio e cantada na Louvação a São Luís pelos versos de Bandeira Tribuzzi, apesar dos problemas de uma cidade em desenvolvimento, São Luís costuma ser fonte de inspiração para artistas criarem suas obras. Tramas, pinturas, poesias e sim, músicas. A arte sobrevive e se recria em uma cidade de potencialidades.

Hoje, Ensaios em Foco traz uma nova forma de cantar São Luís e desejar que a cidade não perca a riqueza de sua cultura e tradição apesar das marcas do desenvolvimento.

Trata-se de uma canção composta pelo cantor e compositor maranhense Jô Santos. Uma canção que une poesia, louvação e o amor saudoso de quem enxerga as potencialidades de São Luís sem negligenciar as dificuldades inerentes ao crescimento das cidades brasileiras.
E já tem novo título para o 4º centenário da cidade. São Luís será a Capital Americana da Cultura em 2012, título concedido pela Bureau Internacional de Capitais Culturais.




“Uma Prece a São Luís”
(Jô Santos)

São Luís do Maranhão
Terra que me faz cantar
Terra que me faz lembrar
Tantos sonhos bons

Dos seus lindos casarões
Matracas que tanto ouvi
Faz hipnotizar
a saudade que me traz aqui

Velhos sobrados
Sinais dos tempos idos
Guardam amores
Silêncios contidos


Fotos: Ruas e escadarias do bairro Praia Grande, no Centro Histórico de São Luís. Concentra em 220 hectares, aproximadamente 3.500 prédios de acervo arquitetônico colonial considerado Patrimônio da Humanidade.